Sobre o Projeto

Reprodução animal (Foto: Rural Centro)

O ano era 2005 e um foco de febre aftosa prejudicou a produção e a exportação de carne brasileira. O artigo “A febre aftosa e os impactos econômicos no setor de carnes”, publicado pelo Cepea em 2006, citava uma restrição de até 80% do volume exportado de carne bovina em 2005. A principal conseqüência foi a redução do rebanho de matrizes do Brasil.

Segundo o IBGE, o abate de vacas, que era de 6.7 milhões em 2003, cresceu até 2006, atingindo 11.2 milhões de matrizes abatidas. Com isso, houve valorização do boi magro, principalmente a partir de 2007, aumentando a relevância da fase de cria na pecuária brasileira.

Porém, os primeiros ajustes pelos quais a pecuária de corte passou após esta mudança de fase do ciclo pecuário, foram na nutrição. A reposição ficou mais valorizada e as margens se estreitaram. Era necessário melhorar a eficiência para que houvesse lucro. Assim, a última década foi marcada pelos investimentos e pela evolução na nutrição.

E agora? Agora, como o Brasil é o principal país capaz de atender a crescente demanda mundial de carne projetada para as próximas décadas, o aumento no percentual de desfrute da pecuária brasileira será inevitável. Aumentar o desfrute da pecuária de corte (abatendo mais animais e animais mais pesados), para produzir mais carne e exportar mais, será uma necessidade natural. E se uma redução de rebanho, como a da década passada, não é bem vinda, podemos dizer que chegou a vez de se investir em reprodução.

Pensando nessa demanda atual da pecuária de corte do Brasil, a Rural Centro viabilizou a publicação do anuário da estação de monta REPRODUZIR. O objetivo desta publicação, que está disponível também em revista impressa comemorativa, é falar de reprodução bovina na prática, mostrando a qualidade dos animais produzidos pelos criatórios que participam do anuário e a história das propriedades. Algumas selecionam suas raças desde o fim da década de 80. Isso sim é atestado de qualidade.

- Veja aqui as propriedades que participam do REPRODUZIR

REPRODUZIR 2012 mostra, em forma de reportagens e artigos, informações importantes sobre nutrição, sanidade e reprodução, pilares principais da pecuária de corte. O intuito é apresentar soluções, desde procedimentos até a escolha de animais e seu manejo adequado.
Para manter-se atualizado sobre novas tecnologias e catálogos de animais, continue visitando a seção REPRODUZIR no site da Rural Centro (reproduzir.ruralcentro.com.br) e acompanhe novas notícias, informações mais detalhadas e vídeos dos criatórios apresentados neste anuário.

Sucesso e bons bezerros!

Rural Centro